O Legado do petismo: Ditaduras ou Democracia?

Ou Lula explicado por V for Vendetta

Não, não estou sugerindo que as manifestações de domingo não são libertárias, Leia para entender.

Especulação ou não. É óbvio que bastava um não. Todo o capital que LULA ganhou nos últimos dias como a vítima de perseguição ele já vêm gastando com a simples sondagem pública ao cargo de ministro. Para muita gente nada disso faz sentido. Por que ele está fazendo isso? Por que ele não assume de uma vez ou desmente logo essa loucura? Qual é a utilidade de todo esse desgaste público sem desfrutar ainda do foro privilegiado das autoridades? Será que ele acha que a se tornará intocável? Mesmo depois da prisão do Senador? Será que não percebe que isso não parará mais a Justiça?

Precisamente. Lula sabe de tudo isso. Isso, e mais alguma coisa que a maioria dos cidadãos comuns nem imagina e até quem detém o poder esquece- se é que entende.

Uma coisa é certa continuam a subestimá-lo. Não apenas como mito, mas como pessoa, bicho ruim que dói, mas pessoa. Pessoa que sabe usar não apenas a adoração idiota dos fanáticos que ignoram o quanto ele sabe usar o papel que lhe deram, e explorar essa maldita necessita plantada e forçada contra os oprimidos por salvadores. Mas, como eles sabe usar todo o ódio e preconceito contra o pobre e nordestino para esconder o estadista criminoso (no sentido cosmopolita da palavra) escondido tanto atrás dos mitos quanto dos preconceitos. Lula pode ser até um esfinge para os presos ao culto aos poderes supremos e autoridades, mas aos verdadeiros libertários, não é senão um individuo que não é um crente, nada mais é do que um pastor que não acredita nas baboseiras do que prega, capaz de por em risco todo o dogma que reza se ameaçado cair do seu pedestal.

Ok. Não é difícil vencer neste jogo quando não se tem nenhum princípio. Mas isso quase ninguém lá tem. bandido (ou não), o que levou o pequeno a superar os grandes e bem mais preparados para essa “arte” foi seu entendimento dos símbolos por trás das instituições. E é por isso que eu digo que seus inimigos continuam a subestimá-lo. É como o burguês que acusa Lula de ter cortado o dedo, para se livrar receber o beneficio do governo. Uma coisa ignóbil, mas a pergunta não é essa: a pergunta é que tipo de dor e dano uma pessoa consegue suportar ou infringir até mesmo a si mesma para ter o que quer?

É obvio que Lula não é um mad dog, mas isso que o torna perigo, há pessoas que não só são capazes de suportar, mas infringir muito sofrimento sem pestanejar. Anjos e demônios são feitos da mesma substância e se um dia foi mesmo a alma mais pura do mundo, faz tempo que “o cara” caiu do céu. Embora ainda não tenha perdido as ligação com as bases eclesiásticas mundanas que o inventaram.

Os dementes de direitas deliram. Já chamaram ele comunista, de bolivariano, mas o que faz de Lula um estadista tão perigoso não é pra quem ele reza ou vendeu a alma. Mas para tudo o que ele não reza. Acham que Lula mente quando diz que é praticamente um anjo, mas Lula quanto mais envelhece mais vai encarnando a definição de Tomas de Aquino da entidade angelical e se tornando a encarnação de uma inteligência sem alma, o único problema é que o anjo encarnado na mitologia cristã não é anjo.

Mas como só tem gente cada vez mais maluca no Brasil e no mundo me proíbo de fazer esse tipo de analogia. O cara cresceu no ABC operário, onde até playboy de burgo de São Caetano do Sul se orgulha de fazer escola de peão, e beber cachaça com Cambuci com os empregados. Não é a água nem a pinga deste lugar que leva as pessoas a luta. É a como tantos outros lugares do pais ao Sul ou ao Nordeste a sua história. E Lula sabe como ninguém conversar recorrer como ninguém a essas origens e historias comuns do brasileiro por mais que a tenha sujado. Menosprezar seu populismo é alimentar como ele mesmo disse a cobra e com vara curta. O que eu estou dizendo, simples meu amigo, assim como tem gente que continuo a adorar o Maluf pobre e rica que continuo a adorar e servir o malufismo, e ele continuo a dar e eleger suas crias Pittas e Kassabs, e que crescerem e fizeram seus próprios ninhos. O lulismo e o petismo não será parado decreto. E Lula continuará a ser amado pelos excluídos como anti-héroi, ou cangaceiro, enquanto os coronéis não saírem nunca do poder e não houver reforma agraria, e isso não é analogia, a injustiça e o banditismo dos atores e do estado brasileiro, isto é uma critica a uma violação histórica do direito de um povo ao seu território como propriedade de socialistas ou neoliberais, mas de cada cidadão livre e de paz sem atravessadores, intermediários ou farsantes.

Boa ou má não adianta tentar conter forças reais com proibições e decretos. Não adianta os liberais autoritários tentarem fazer na politica o que os amigos socialistas fizeram na economia tentar segurar leis e ordens naturais a caneta ou a força bruta. O primitivismo dos dispositivos socialistas na condução da econômica é análogo ao dos liberais no da sociedade e politica. Conseguem a proeza de fazem tudo errado mesmo quando querem fazer tudo que é certo.

Quem está entendendo o que estou dizendo, já percebeu que não estou defendendo que estes violadores não só de leis, mas de direitos não devam ser parados. Estou dizendo que Lula está jogando em outro nível político.

Deixe-me explicar.

Lula o terrorista objetivista

Lula nunca foi um socialista (nem quando distribuía renda aos pobres e ricos) nem jamais será um anarquista, nem quando ataca abertamente o Estado. Lula “sem nem saber o que é essa porra é essa aí”, é um expoente do objetivista randiano. Porque egoísta que é egoísta não é só um mero individualista, mas um sociopata sem nenhum pudor ou consideração pelos outros, nem pelos mais próximos quanto mais pelo resto dos trouxas.

Mas lula não tentem reduzam Lula a criminoso ou terrorista comum, ele não é. Lula provou com seus últimos movimentos que é definitivamente um estadista, prepotente como sua cria, mas nenhum pouco embriagado pelo poder. Lula conhece mais de Estado que muitos daqueles sóbrios que o defendem e o atacam. Ele usa essa máquina hobessiana feita da insanidade coletiva como poucos. E fico feliz de não termos forças armadas fortes, ou do “cara” não ter nascido norte-americano. Ele usa a ignorância dos que o servem ou atacam e sobretudo subestimam quase com a mesma desenvoltura de quem nunca esteve no poder, na verdade ele discursa ainda como se nunca tivesse estado ou estivesse ainda por lá!

O personagem V de Vingança da HQ de Alan Moore explicaria a estratégia de Lula com facilidade.

Lula sabe como poucos usar a propaganda pelo ato. Sabe como poucos o valor simbólico das instituições, e como poucos não tem nenhum pudor de sequestra-las e ameaçar explodi-las se acuado. O PT como organização fortemente centralizada e hierárquica funciona apenas como seu corpo artificial, os movimentos pelegos como seus braços, e os alienados como seus dedos.

Ele sabe se apropriar das ideologias dos crentes do coletivismo, das bandeiras estatais e para estatais. Lula é um randiano mais perfeito na prática do Any Rand teorizou. Assim como Stalin foi o ditador do proletário que Marx nunca conseguiu ser. Randianos perfeitos e bolcheviques tem inconscientemente mais em comum do que imagina seus preconceitos. Não são apenas egoístas travestidos de individualistas ou coletivistas são indivíduos que sabem maximizar seus interesses particulares escondidos por trás de ideologias. São estadistas que não acreditam no estado. São libertários que não acreditam na liberdade. No discurso o oposto, na prática a mesma bosta, pessoas defendendo uma ideologia como privilégio contra a ordem e o direito natural dos outros.

Aliás Lula é um randiano tão perfeito, que caga e anda não só para qualquer ordem natural, social ou estatal mas para as próprias ideologias. Lula é talvez depois de Putin, o maior estadista dos últimos tempos, e isso não é nenhum elogio. Mas uma denuncia em nada velada.

Há muito tempo um general alemão disse a politica é só a continuação da guerra com outras armas. E é isso que o PT e Lula estão fazendo essa politica com as armas que tem, ou melhor que não tem guerra. Lula e o PT se converteram em terroristas políticos por um simples fato começaram a perder o controle do Estado.

Assim como um grupo mafioso ou terrorista a ocupar violentamente um território nada mais que um proto-estado em sua condição primitiva ou original, o estadista uma destituído do monopólio legal da violência não deixa de ser o mesmo estadista que era só que agora sem o seu antigo poder estatal, o estadista sem a supremacia da violência de fato ou simbólica é o que o mesmo animal político de antes só que agora com outras armas e nome: é um terrorista. No caso específico da estratégia de Lula que conhece e joga como ninguém contra os símbolos e representações, um terrorista político. Sequestra, ameaça e chantageia explodir a república. Como ele consegue isso? Não não usando com seus exercíto da CUT nem do MST e companhia. É usando as falhas da próprio esquema contra ele. Seus privilégios.

Lula ao deixar no ar que se pode ir para um ministério sabe não só o que ele representa para o imaginário popular, mas sabe exatamente o este gesto revela para a população. Esse gesto é literalmente bombástico, não explode apenas a reputação de quem o comete, mas fere as estruturas que o permitem. Lula acuado se fez também ele homem-bomba, mas ao contrario de Dilma ou Cunha que ameaçam seus pares, ou a sociedade, ou instituições em especifico Lula ao ser ameaçado de ser expulso do paraíso, risca o fósforo para tacar fogo no dogma que sustenta o dogma inteiro. A santidade imaculada das autoridades.

De louco o doido não tem nada. Ele sabe que o que estará explodindo não apenas sua imagem que seria irremediavelmente danificada se não conseguir frear as investigações ou sua prisão. Ele sabe que estará explodindo um símbolo. Preso como ministro não cairá apenas Lula, caíra a figura da autoridade, que não se separa de todos seus foros privilegiados. Lula chantageia não apenas os implicados em ilegalidades, Lula vai além, chantageia o sistema em suas contradições.

Se verdadeira a minha pressuposição de inteligência do mito, isso faz de Lula um dos maiores estadistas do mundo e um dos piores seres humanos que já chegarem ao poder, e olha que a concorrência nacional e internacional é grande. Por que se ele tinha a compreensão e o poder por todos esses anos do verdadeiro mal, da verdadeira desigualdade entre povos e pessoas, a desigualdade de poder e autoridades que gera e reproduz e sustenta a força de alienação as misérias humanas politicas e econômicas. Se ele entendia perfeitamente a relação da privação do seu povo, da nossa falta de liberdade e emancipação politica e econômica e os poderes acumulado não como produto do trabalho ou inventividade, mas da exploração e expropriação pela proteção da supremacia de quem detém de fato o poder da violência inclusive a simbólica. Se ele sabia e sabe o que leva um povo a miséria e a servidão e se vendeu por pouco ou muito pouco me importa. Até a inação e omissão é já é um crime.

Males que vem para bem?

Não entro nessa de que a males que vem para o bem. Mal necessário só é bom para quem pratica o mal. Essa historia que eu sei do cala a boca que eu sei do que é para você, é coisa de estuprador. Quem tem idade e razão suficiente para decidir por conta própria o que quer, pode até se submeter se quiser, mas não pode jamais ser submetido a força. Por isso se vocês entendem minha critica a ação do Lula como um elogio velado. Estão enganados.

Uma coisa é a destruição dos monopólios, dos valores alheios que lhe são impostos, outra é dos valores de paz que não lhe pertencem. Lula não está atacando valores que não são seus, como não está tentando libertar ninguém, mas tentando negociar a trégua para voltar a ter os mesmos e antigos privilégios autoritários. Defendo a contra-violência, a reação proporcional e necessário a libertação do violado e escravizado e não do preto-da-casa a que só quer botar fogo na senzala e com todos inocentes dentro para poder voltar a comer na mesa da casa grande. Alias diga-se de passagem a visão na casa-grande, nos mitos de servidão patrimonialistas e patriarcais estão presas não apenas povos, mas por classe, gênero e até mesmo gerações. E todas as formas de desintegração e segregação dos seres humanos como abstrações ideológicas estão a serviço da cultura da violência e seus supremacista e não da libertação e da paz.

Seria até interessante se não fosse tão perigoso. Ver a justiça tentando finalmente derrubando a bandidagem do foro privilegiado apenas o pegar as bandidagens do Lula. Até interessante se não fosse tão perigoso. Ver a justiça tentando finalmente derrubando a bandidagem do foro privilegiado apenas o pegar as bandidagens do Lula. Já pensou se as pessoas começarem a existir mesmo direitos iguais aos das autoridades? Meu deus do céu, que anarquia, o que será do nosso país? Melhor deixar a Dilma mesmo, hein?

Neste sentido e neste momento perseguindo seus interesses mais baixos, enquanto é só uma “pegadinha do Mallandro”, com seu contra-exemplo presta junto com Dilma um serviço involuntário a emancipação do povo brasileiro que nenhum de seus programas de assistência vigiada e instrumentalização político-eleitoreiro disfarçados de combate a pobreza conseguiu: desperta as pessoas para intolerável desigualdade de direitos entre os cidadão comuns e autoridades. A desigualdade mão da desigualdade não como direito mas como estado de injustiça: os poderes e liberdades dos privilégios contra as obrigações dos resto do povo de trabalhar e pagar suas contas.

Lula entrega o quanto Marx estava errado na ordem do status quo, Antes das classes socioeconômicos sempre vieram as castas sociopolíticas. E antes das diferenças de riquezas, as imposições forçadas de valores. Lula expõe o charlatanismo da dança da chuva da politica e economistas de estado, e mostra o quanto a economia estatal é feita muito mais politica econômicas do que de qualquer ciência economia. O que Lula está fazendo é literalmente ameaçando quebrar o segredo que compõe a ética da profissional deste mágicos que se vendedores de milagres e remédios econômicos.

Até bandidos e mafiosos tem código de ética porque político não o teriam? Dilma quebrou todos eles. E já se explodiu de tal forma não só a si mesma, mas a imagem da presidência e do presidencialismo que os espertinhos de plantão estudando como salvar o sistema podre ao invés de trocar de time trocar de uniforme, migrando para o parlamentarismo. Não vai funcionar. O crise é de representatividade democrática e não governamental e não é brasileira, mas mundial. Mas nem vou usar argumentos internacionalistas para explicar essa remendo por que não preciso: o congresso é ainda mais imundo e fisiologista que o planalto, estarão apenas adiando a explosão da bomba-relógio que poderá vir ainda com mais força.

Como diria o grande filósofo Tiririca: pior que tá não fica.(?)

Uma das coisas mais ridículas é chamar o PT de marxista ou revolucionário, mas não deixa de ser curioso que ele esteja tão dialeticamente destruindo o poder que ele tanto quer monopolizar e se perpetuar a todo custo e empurrando contra sua própria propaganda de massa o povo a revoltar-se não só contra ele, mas contra seu objeto de desejo: o poder total.

Nem mesmo as piores ditaduras militares prestaram tamanho desserviço a causa das autoridades e dos autoritários, tamanho desserviço a ideologia estadistas quanto o petismo. O problema é que é seu objetivo não é libertar as pessoas ou findar a desigualdade mas voltar a desfrutar irresponsavelmente dos seus privilégios. E são tantos inocentes prejudicados, tanta falta de compromisso que o efeito de todo terrorismo está dando o resultado oposto: o fortalecimento do radicalismo da extrema direita.

Considerando tudo isso, o pedido de prisão do MP de São Paulo é apenas igualmente não apenas uma atitude apenas agressiva, desnecessária, mas estupida. Essa gente entende o significada da instituições a qual empresta sua anima e força de vontade? Será que sabem que não é simplesmente a lei e ordem que está em jogo, mas os princípios sem as quais ela não se ergue? Se eles não sabem, o barba sabe, e está jogando com eles.

Sei que corro o risco de parecer repetitivo chato e redundante, e que ninguém que pode fazer algo ouve, mas vou continuar fazendo meus “estatamentos” mesmo assim até porque depois é fácil, inútil.

Está na hora de distribuir de forma mais igual as liberdades e poderes entre todos os cidadãos. Está na hora até de até os mais egoístas acordarem e reduzir a verdadeira desigualdades sociais que não é de riquezas, mas de privilégios econômicos e políticos. Esta passando da hora de colocar na agenda desta velha república a discussão de uma nova democracia e não vir com mais outro 171 parlamentar. Está na hora do menos demagogia, e mais democracia, direta, por favor. Está na gota de garantir liberdades materiais mínimas e equalizar direitos e deveres entre autoridades e cidadãos comuns.

Ou acabamos com a desigualdade de autoridades, e respeitamos a todos igualmente como seres humanos, ou começamos a garantir imediatamente o direito de todos sem discriminação a participação na propriedade e rendas comuns. Ou abrimos imediatamente a discussão constitucional de que pais queremos; ou perguntamos a população qual regime ela quer, sem excluir obviamente o dela como sociedade das alternativas, ou paramos esses golpes recíprocos entre executivo e legislativo, ou vamos acabar em revoltas e golpes de verdade.

E como todas as primaveras dos povos já ensinavam muito antes das atuais, ao menos para quem não lê historia escrita por chupa-saco de genocidas, ao contrario do V de Vendetta, não o da HQ, mas o hollywoodiano, a regra diz que gente desarmada não derruba estadista: são estadistas, essa gente capaz de tudo para ficar em seus palácios, inclusive mandar atirar contra sua própria população, que esmaga os povos, e mata muita mais gente do que devia antes de cair.

http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,ministro-do-stf-teme-antagonismo-nas-ruas-ja-pensou-surgir-um-cadaver,10000020118

É obvio que estamos brincando o fogo. Não adianta ficar fazendo previsões que vindas de autoridades só servem com denuncias, mas para espalhar esse terrorismo de segunda categoria. Quem detém o poder legítimo ou não, não pode ficar pagando para ver. Pode não acontecer nada agora, a temperatura pode abaixar de novo, mas mais hora menos a coisa vai explodir. No fundo eles tem mais medo das consultas públicas do que qualquer coisa, Lula, PT, militares, ou seja lá o que for.

Por isso reto e direto: a agenda não é parlamentarista, é democracia direta é devolver os espaços institucionais ao cidadão e a sociedade. Menos que isso, é pedir por conflito e retrocesso.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.