Diretas Já: Dilma apoia?

Não. É só as eleições gerais perigando virar mais um 171

É fora Temer, não tem volta Dilma… Democracia Direta Já!

Image for post
Image for post
E você acredita?

O que eles não prometem quando querem o poder. Leiam e tirem suas próprias conclusões:

Um:

Dois:

http://www.brasil247.com/pt/blog/terezacruvinel/237405/Em-andamento-a-sa%C3%ADda-pelo-plebiscito.htm

Três:

Ou faça sua aposta:

a. Eles vem as diretas já como papel higiênico de suas biografias imundas.

b. Chave-mestra para escapar da cadeia

c. Chance remota para ir ficando no poder

d. Mais um 171

e. Todas as anteriores

Conhecendo a folha corrida e o histórico do cumprimento do fazer o que falam ou assinam embaixo, ou em bom português de estelionatários profissionais que são, isto significa só uma coisa tomar o poder, embromação, para ir ficando no poder e escapando da cadeia, enquanto na calada da noite com o apoio de gente como esse PMDB que foi pedido a prisão como Renan Calheiros se aprove medida que garanta uma imunidade política ainda mais criminosa para essas quadrilhas disfarçadas de partidos.

http://www.brasil247.com/pt/blog/terezacruvinel/237000/Raz%C3%B5es-do-STF-contra-Janot.htm

E não, não é apenas por solidariedade de classe ou medo de serem eles amanhã os próximos que os Petistas aliviaram a barra dos seus “golpistas favoritos”, é que eles sabem que eles são pau para toda obra, ou melhor para todo golpe. E esse pau que bate em João, também bate em José.

Como outro barco para fugir da Lava-Jato essa história já foi pauta até de quem embarcou com Temer:

Dilma ou Temer obviamente só renunciam por uma razão, se for para escapar do xilindró. E Dilma está com a merda chegando ao pescoço. E vai acabar matando a credibilidade das eleições gerais, reduzindo-a em mais uma tramoia do tipo a nomeação do Lula ministro da Casa Civil:

Mas quem duvida que em breve Temer também esteja envolvido diretamente em delações?

E que claro não esteja se mexendo (leia-se pagando) para se segurar onde também não tem, não pode, nem deve ficar…

O lugar desses governos, afastado e interino, é o mesmo. É Fora, respondendo na justiça onde está escondido o que eles arrombaram:

Há outros cálculos, mas eu fico com o do Bradesco que conhecia por dentro a Economia e não duvido que saiba exatamente (até demais) onde está uma boa parte desse dinheiro.

A saída deles e a nossa é uma só: Eles deveriam ser cassados como chapa:

Chega dessa guerra dos taca-bosta Não tem “fica”, nem “volta”, é passa fora, em Todos eles: Diretas Já

Quem tem que ir pra rua são eles e não nós: Democracia Direta Já

Temer, Cunha, Renan, Dilma, Lula, Sarney, Maluf etc… etc.. etc… são tão poucas as exceções que elas só confirmam a regra. Fora Todos. Definitivamente. Não somos nós que temos que ir para a rua toda hora, são eles que tem que sair dos palácios para nunca mais voltar.

Quem fala não somos nós, que defendemos a democracia direta, é a realidade que grita. Eles não vão desocupar os espaços públicos. O bandido da direita se enrosca, o da esquerda já se ouriça para retomar o butim. E nós, onde ficamos nisto? Vamos viver assim? Literalmente sendo passados, traficados entre esses donos da boca Brasil em sua guerra de traficantes políticos. Eu não sou do bonde da Dilma, nem do bonde do Temer, nem fã da pacificação de milicianos. Eu quero é me livrar de todos eles para poder cuidar da minha própria vida.

http://g1.globo.com/rio-de-janeiro/noticia/2016/06/relatorio-alerta-sobre-risco-de-violacao-de-direitos-humanos-na-rio-2016.html

Sem o empastelamento da Lava Jato, o destino do PMDB e PT, e de praticamente muitos, mas bota muitos caciques de partidos políticos é um só: cadeia.

Nós que defendemos de verdade as Diretas Já. Não como um saída de emergência desta política podre, mas como a abertura de caminho que precisa ser feito, temos que ter a consciência que a simples queda de toda a classe política ilegitima e criminosa não é fim do problema, mas tão somente a chance (veja bem, a chance) de conseguir enfim começar a solucioná-lo.

Mesmo que toda a classe política envolvida em crimes, ou simplesmente toda a classe política atual, (leia-se todos os partidos) fosse impedida de participar de uma nova assembléia constituinte, pelo mesmo motivo pelo qual se excluem empresas criminosas de contratar com o poder público, mesmo assim sem a mudança do sistema, teríamos simplesmente a abertura de vagas para novos bandidos.

É um axioma democrático: o espaço público que o cidadão desocupa, o político toma.

Direito político renunciado é direito político tomado. Por isso não basta colocar todos fora, é preciso ocupar permanentemente os espaços públicos não apenas simbolicamente ou fisicamente, mas de fato e de direito, é preciso estabelecer a democracia direta, de modo que as casas do povo continuem sendo dele quando nos voltamos para nossos trabalhos e vidas, para que não sejam retomados como os palácios e bocas desses políticos e seus apaniguados.

Sem democracia direta, Eleições gerais seriam mais do mesmo. Depois das ocupações entregaríamos a chave para um bandido que se finge de caseiro, mas é posseiro — com jagunço e tudo.

“Fora Todos e Eleições Gerais” não é só uma solução, é uma necessidade. Um imperativo de respeito a vontade popular e relegitimação institucional. Contudo não pensem que eles não transformarão mais uma demanda popular no veículo dos seus golpes!!! Não pensem que eles não vão trair (de novo) e se apropriar de mais esta causa popular. “Diretas Já!” É “fora Dilma”, É “fora Temer”, e é mais: é “fora todos!” Ou eles vão contrabandear mais uma vez seus vermes para o novo hospedeiro.

Meu amigo, tudo que essa gente põe a mão apodrece. E se eles transformarem as diretas já num golpe como fizeram do impeachment não é a democracia que vai pro saco, é a república e estaremos de fato num estado pré-revolucionário que redundará ou numa nova ou numa ditadura.

É preciso entender que o golpe não foi a retirada dos bandidos anteriores, o golpe é sempre a recolocação de outros (ou melhor os mesmos) bandido no lugar! Qualquer usurpador reconduzido, ao poder mesmo que seja via eleições diretas será tomado por ilegítimo quando trair a vontade popular. Não faz diferença adiantar as eleições para repetir as fórmulas estelionatárias que nos levaram ao fundo do poço com Dilma.

Não, não acho que Dilma antecipa seu fim. Afinal se o Cunha não cai nunca, porque ela não pode voltar?

E a propósito quem vai ficar quando ele (o Cunha) delatar?

O processo de Cunha, de Dilma que não por acaso vão dar em Temer, mostram que a saída não é parlamentarista nem presidencialista, mas simplesmente cidadã. É mais democracia e direta. E está cada vez ficando mais claro que o caminho para a verdadeira democracia definitivamente não passam por eles, mas ao contrário tem de passar bem longe deles e seus compadres. Porque enquanto a democracia não passar DIRETAMENTE por nós, diretamente pela mão do cidadão, ela e nós estaremos reduzidos a isso: a refém e objeto de tráfico de influência dessa classe política usurpadora e bandida.

Veja que se livrar de Temer e Dilma é só um primeiro passo. Diretas Já sim senhor. Mas sem nenhum deles. Para podermos enfim começar a ir em direção a democracia direta. Do contrário, se for para votar de novo entre “eles” ou “eles”, meu voto já é NULO. Porque de fato meu voto já foi foi anulado, antes mesmo de eu ser obrigado a apertar o Zero Zero e Confirma, ou qualquer outra bosta.

Sem democracia direta o voto não é senão a chancela do roubo da nossa própria soberania. Não é a toa que não é um direito mas um dever. Ou:

Image for post
Image for post

Governe-se.

Written by

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store