Cuidado: trocaram a Lula pela Cabra e o Garotinho no altar de sacríficos da velha república

Não se deixa levar: esses criminosos que deveriam ser mesmos detidos não estão imolados publicamente a justiça, mas ao Deus-Estado para acalmar a ira dos seus fiéis que começam a perder a sua fé.

Se você é humano e imperfeito, como eu, não se sinta mal por sentir prazer em ver seus algozes sendo humilhados publicamente como acontece com qualquer um. Mas não se orgulhe disso. Porque pode não ser uma falha de caráter, mas é um flanco muito bem explorado, por quem quer substituir seu anseio de justiça por desejo de vingança. E eles sabem disso. A humilhação publica não visa degradá-los mas agradar e degradar a própria sociedade com o deleite da queda de seus opressores e usurpadores. Nada como um regime de terror, muitas cabeças rolando e alimentando o desejo de sangue, para por fim ao que deveria ser uma revolução. E reciclar as autocracias disfarçadas em um novo salvador autoritário que carregue seus velhos interesses encobertos por um novo estandarte patriótico.

O despacho de Moro sobre a prisão de Cabral é revelador:

“Essa necessidade (da prisão) faz-se ainda mais presente diante da notória situação de ruína das contas públicas do Governo do Rio de Janeiro. Constituiria afronta permitir que os investigados persistissem fruindo em liberdade do produto milionário de seus crimes”

E as notícias mais ainda:

Image for post
Image for post
http://cbn.globoradio.globo.com/editorias/policia/2016/11/18/DELEGADO-PEDE-SEPARACAO-DE-GAROTINHO-E-CABRAL-POR-SEREM-DE-FACCOES-DIFERENTES.htm

Só falta agora os Datenas da vida xingando eles de marginais para completar o espetáculo de ódio e desmoralização… da sociedade do espetáculo.

Eles devem deter a todos eles. Com certeza. Mas como ele sabe que isso não vai resolver o problema estrutural e sistêmico, nem salvar as instituições podres que continuam precisando explorar e roubar mais a sociedade. Eles fazem agora uma proposta subliminar ainda mais indecente: eu te dou a cabeça dos bandidos penduradas em praça pública. E vocês voltam a serem cordeiros obedientes, pagam a conta do que foi roubado. E deixam em paz os bandidos que sobrarem. Porque se não sobrar nenhum não teremos mais quem nos governe.

E aí você aceita essa troca? Troca a sua dignidade e futuro e liberdade pelo sangue dos seus algozes e traidores?

Eu não. Podem ficar com o seu show. Eles caírem e serem detidos não é objetivo é meio necessário para que nos passamos finalmente ter o que queremos libertação de todos esses bandidos e tiranos. Não quero me livrar deste ou daquele senhor de escravos, quero me livrar da escravidão politica. Se fosse possível acabar com essa escravidão, sem ter que se livrar desses senhores de escravos, preferia deixá-los em paz, daria toda a anistia que eles querem, desde que em troca tivesse enfim a nossa liberdade e pudéssemos vier em paz.

Se não soubesse que eles tem que ser detidos para termos nossa libertação. Deixaria eles com a pior punição que um parasita pode ter, viver as sua próprias custas. Ou melhor como defendo uma renda básica viver só com o que é por direito inalienável seu. E veja com isso como o fim dessa injustiça não passa meramente pela prisão destes criminosos, mas pela restituição definitiva do que eles roubam mesmo quando protegidos pela legalidade. Viver com uma renda básica, com o mínimo que tem direito qualquer pessoa comum, é para eles que querem tudo a morte, mas para os inocentes que nascem condenado a pena de vida e trabalhos forçados para sustentar esses bandidos, por não ter nem isso é nada menos que a Libertação.

Não troco portanto a justiça social e o usufruto que eles me devem pela cabeça de ninguém. Não quero o poder, quero a liberdade, não sou autoritário, sou libertário. Que eles derrubem e detenham aqueles que de tanto usurpar e roubar colocaram expuseram e colocaram em risco seu sistema de autoridades e privilégios. Mas não tentem me fazer de tolo, pedindo que renuncia a minha soberania pessoal e em compartilhada e volte a ser para a senzala submisso em troca da cabeça do ultimo rei. Não quero cabeça de reis, quero o fim do reinos de roubo e terror. Quero um pais livre e cidadania plena. Quero democracia verdadeiramente direta e renda básica. E não troco isso por nenhum farsa ou espetáculo nem velha nem “nova”.

A que se deter esses políticos criminosos e há que se lutar contra seus decretos. Mas não caia na de quem quer usar essas luta como se fossem contraditórias seja para não responder por seus crimes ou passar novos decretos mais criminosos ainda! Porque se embarcarmos nessas velhas ideologias desses bandidos autoritários, desses pregadores da divisão e discórdia entre a população e sociedade, o final da história será o mesmo de sempre eles escapando todos juntos dos seus crimes com todo o poder na mão para fazer toda a sociedade pagar por eles!!!

Tem que deter esses políticos? É claro que tem, mas prisão resolve. Tem que parar as reformas inconstitucionais? É claro que tem, mas só derrubá-las não resolve. E qual é a solução? A solução que nenhum dos lados quer propor, porque quer se safar da justiça e ficar (ou voltar) ao poder é uma só: mais democracia, liberdade e empoderamento dos cidadãos. Isto é menos privilégios, poderes e prerrogativas para eles. É a destituição não só de todos dos seus cargos, mas de todos os cargos. Não é só a devolução de tudo o que foi roubado, mas a restituição do bem público a quem de fato pertence, a cada cidadão como renda básica e democracia direta.

O equilíbrio fiscal e o bem estar social não são contraditórios são absolutamente necessários e complementares um ao outro. Mas só vão ser garantidos quando pararmos de nós enganar e nos livrarmos do mal que produz ambos: a classe politica e a politica como classe. Quanto maior o controle social e menor o poder estatal mais equilíbrio e bem-estar teremos. E se o controle social for pleno, e a desigualdade de poder nula esse equilíbrio se chamará justiça e essa igualdade, liberdade fundamental.

Aliás, classe não. Eles são uma grande famiglia, compadres mesmo. Veja o álbum de fotografia do Cabral:

Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post
Image for post

Não basta o fim dos foros privilegiados, é preciso acabar com toda desigualdade de autoridade sobre o poder publico e o bem comum. Não basta preservar os programas sociais, há que se garantir universalmente a liberdade fundamental de todos não como dependentes, mas como adultos emancipados donos e usufrutuários da sua participação no patrimônio nacional.

Não sou idiota. Eu prefiro ter minha propriedade e liberdades roubadas de volta, e não pagar para sustentar a custodia dos ladrões. Eles são perigosos? Não duvido. Vamos manter esses lobos bem longe dos cordeiros. Pode prender por sei do que são capazes e o quão perigosos são. Mas tente me fazer de otário. Toda a periculosidade deles e de qualquer outro bandido que não faz nada com suas próprias mãos, termina justamente quando acabamos com o poder que os protege e sustenta. Não é só mais justo é mais barato e seguro, e inteligente demolir a casa dos mafiosos, do que ficar pegando um a um, os que tem o “azar” de serem flagrados.

A liberdade é um custo muito alto por essa segurança. Porque a liberdade não tem preço. E quem esquece disso termina preso em sua própria terra transformada em prisão-fazenda que nos diga agora os norte-americanos.

Image for post
Image for post

Ademais, nós não temos fronteira com o Canadá, não somos bem-vindo para morar lá, e nem temos dinheiro pra isso. E nem precisamos disso. Não precisamos fugir do nosso pais, porque não somos sem-terra, nem sem-teto, somos filhos de um pais rico, de uma mãe-terra generosa, só precisamos tomar coragem e reaver o que é nosso e nosso lugar a mesa. E para isso não precisamos atacar ninguém. Só precisamos ter a coragem do soldado da tropa-de choque e abandonar as fileiras daqueles que são os nossos verdadeiros inimigos. Não é uma questão de desobedecer uma ordem por sinal criminosa, é muito mais do que isso, é uma questão de obedecer a nossa consciência e humanidade. É uma questão de verdadeira justiça. E isto não é um principio nacional, mas universal: ninguém deveria ser obrigado a fugir ou temer ficar preso na sua própria terra.

Image for post
Image for post
“SÓ HAVERÁ LIBERDADE QUANDO O ÚLTIMO REI FOR ENFORCADO COM AS TRIPAS DO ÚLTIMO PADRE” VOLTAIRE.

Não. Não é preciso enforcar o último padre nas tripas do último rei, ou vice-versa. Não devemos comprar (de novo) os métodos da velhas revoluções burguesas e seus regimes do terror para realizarmos nossos ideais humanistas, até porque elas dão no final no mesmo lugar “novos” tiranos e tiranias.

Image for post
Image for post

Bastar deixar eles sozinhos bem longe de vocês com todo seu ódio rancor, hipocrisia e vingança que eles se matarão sozinhos. Não são povos e a humanidade que deveria viver apartada e presa entre-muros. São eles todos que deveriam viver juntos e sozinhos nos seu mundo fechado. Faça a vontade deles. Deixe-os se virar sozinhos, e vamos ver quantas guerras e pilhagem e ameaças é capaz de fazer um tirano por mais rico e poderoso sem o trabalho e a servidão de quem eles expoliam.

E se eles insistirem em não sair do trono, não titubei. Não continue cavando a sua própria cova. Faça greve política, porque não há greve mais justa eficiente do que a greve contra quem não faz nada por conta própria fora ameaçar e mandar.

“Mas isso que você está propondo é uma revolução!!!” É claro que é. Uma revolução pacifica pela democracia, liberdade. Ou você acho que está acontecendo o quê no Brasil e no mundo. Estamos caminhando para onde? Para o aprimorando estado de direito ou sua exceção? Uma revolução já está em curso, se ela será a continuação do eterno golpe estatal contra a sociedade ou humanidade, ou mais um pequeno avanço em direção a nossa libertação. Isso vai depender de um pouco de coragem para olhar a realidade que já estamos vivendo!

Image for post
Image for post

Acorde. Liberte-se. Governe-se. Se até eles conseguem, se essa coragem pode vir até de onde se menos espera, porque não você?

Written by

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store