Crimes de Estado e Revolução Cultural 3

Mesmo o deus ou o estado mais onipotente não é nada frente a aquele que é invulnerável ao seu poder totalitário em sua liberdade individual garantida. A paz não é produto portanto de nenhuma superioridade de forças e poderes, mas do equilíbrio de forças e liberdades de um sistema de proteção universal. A onipotência não é nada perante a invulnerabilidade. O poder não existe frente a liberdade. Os monopólios da violência simplesmente se desfazem e inexistem perante a igualdade de liberdade dos solidários.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.