“Comédia”: STF versus Renan

Deixa eu ver se eu entendi como funciona a justiça:

Caso 1: Ela não é privilegiada

Caso 2: Ele é privilegiado

O presidente da nobre casa do Senado diz: “Um juizeco de primeira instância não pode, a qualquer precipitação, autorizar uma ação em outro Poder". Juízes ofendidos… rabos entre as pernas.

Image for post
Image for post
Indignado com o que vê? É para ficar mesmo. Mas não com a imagem e sim com o fato. A imagem de violência sexual contra a mulher e justiça não é uma violência simbólica ela é o retrato da violência de fato: o estupro do poder contra ambas (e todos nós os fudidos). Revolte-se, mas não contra a liberdade de expressão, mas contra a relação de poder, Porque o mais revoltante desta retratação da justiça como mulher oprimida é saber que ambas são vistas e tratadas exatamente dessa forma pelos donos do poder. E você também, mesmo sendo homem, se não for o privilégiado que segura os cabrestos governamentais.

E fica ainda dúvida jurídica, se eu quiser chamar um magistrado de filho da puta mesmo se ele seja mesmo um filho da puta eu só posso se vier acompanhado de um pedido de desculpa, ou eu vou ter quem me candidatar e eleger primeiro?

Written by

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store