X-RATED: Classificação de Risco dos Estados

Da garantia de direitos inalienáveis aos crimes contra a Humanidade e Natureza.

Coréia do Norte: dos Estados X-RATED que não estão envolvidos em conflitos abertos (ainda), o com a pontuação mais alta de periculosidade

TOP 10 GERAL

X-RATED — Os 41 Estados-Nações mais perigos do Mundo (2015)

Introdução

Não se separa o discurso do método da Metodologia

PARTE I

Dos riscos

PARTE II

Dos Agentes

Parte III

Dos Fatores Determinantes

Consideramos o potencial destas corporações para explorar ou monopolizar recursos naturais, territórios ou populações locais não raro é inversamente proporcional a proteção dos direitos fundamentais das populações abrangidas por suas ações. Ou para ser economicamente ainda mais preciso o tamanho dos seus orçamentos é inversamente proporcional a alegada falta de recursos para garantir os deveres e responsabilidades sociais.

Assim como consideramos que esse processo de transmutação de direitos como propriedades e rendimentos pertencentes as sociedades em poderes destrutivos ilegítimos de Estados e Empresas não acontece num passe de mágica, mas no escuro da falta de acesso de informação ou até mesmo na inversão da lógica: vigilância das pessoas e segredo dos Estados.

PARTE IV

Os Indicadores qualitativos-quantitativos

1. Do Respeito e Garantia de Fato dos Direitos Humanos :

Total de encarcerados;

Assassinados

2. Do Potencial Destrutivo Belicoso

Orçamento Militar (Dólares Americanos)

3. Do risco ambiental

Consumo de Energia (KW)

4. Da Censura e Vigilância

Navegação na Internet

informações privados vigiados ou invadidos x informações públicos secretados ou censurados medidas pelo quantidade de dados em bytes

5. Humanidade e Diversidade

Refugiados e Território Florestal

PARTE V

Da equação e classificação

Periculosidade Estatal = (Prisioneiros +Homicídios+Mortos por Guerra) x Gasto Militar x Consumo Energia x indice de Censura-Vigilângia dividido pela (População divida pelos Refugiados) multiplicado (Território Florestado divido pelo Território Nacional)

PEST = [PR + (HM+MG)] .GM . CE. iCV / [(PP/RF)x(TF/TT)] Observações:

PARTE VI

DADOS

Prisioneiros

Prisioneiros de Consciência:

Homicídios

Mortos por Guerras

Gasto Militar

Consumo de Energia

População

Refugiados

Território

Território Florestal

Censura, Vigilância

PARTE VII

As CLASSIFICAÇÕES

TOP 10

TOP X-RATED: O X da questão

Da suspeita razoável ao conflitos deflagrados

CLASSIFICAÇÃO GERAL DE PERICULOSIDADE DOS ESTADOS

X-Rated

PARTE VIII

OS CÁLCULOS

DOS ESTADO DE PAZ

China 73,456x Trilhões

EUA 31,588x Trilhões

Rússia 18,969x Trilhões

Brasil 2,9xMilhões

Arábia Saudita 267,5x Milhões

França 245,3x Milhões

Índia 3,672x Trilhões

Japão 143,802 Mil

U.K. 645,116x Mil

Coréia do Sul 676,088 Mil

Turquia 22,826x Bilhões

Itália 43,946 Mil

Irã 43,467x² Milhões

Alemanha 124,865 Mil

Taiwan

Tailândia 700,497x Milhões

Austrália 29,204 Mil

México 325,689x Bilhões

Indonésia 4,584x Bilhão

Canadá 18,613 Milhões

Espanha 9,844 Mil

Israel 32,873x² Bilhões

África do Sul 331,105 Mil

Vietnã 105,148 Milhões

Turcomenistão 46,824x Mil

R. D. do Congo 73,181x Bilhões

Sudão 129,924x² Bilhões

Sudão do Sul 1,203x Milhão

Nigéria 2,489x Bilhões

Afeganistão 80,013x² Mil

Filipinas 2,061x Bilhões

Colômbia 3,043x Trilhões

Laos 1,595x Mil

Somália 1,290x³ Trilhões

Eritréia 4,140x³ Milhões

Coréia do Norte 155,95x³

Síria 3,584x⁴ Bilhões

R. Centro-Africana 8,795x² Bilhões

Paquistão 2,073x Trilhão

Iraque 429,595x Trilhões

Venezuela 92,601,19x Mil

Líbia 401,459x Bilhões

Egito 922,262x Bilhões

Iemen 397,444x Milhões

Mali 106,214x Milhões

Miamar 96,916x Bilhões

Ucrânia 50,467x Bilhões

Etiópia 179,847x Milhões

Chade 16,551x² Bilhões

Costa do Marfim 118,287x² Milhões

Quirguistão 5,091x Milhões

Finlândia 1,27

Suécia 4,21

Polônia 22,50

Noruega 93,24

Dinamarca 51,69

Nova Zelândia 118,53

Um estudo de caso: O Brasil (2002–2012)

A aplicação do índice de risco estatal na linha do tempo

Brasil (2002)

Brasil (2012) 1752

Conclusões

Análise

Do cruzamento dos dados podemos observar não por acaso que dos países que:

Crítica

Em termos simples cada centavo retirado de uma pessoa, cada recurso natural e bem comum monopolizado, cada liberdade negada, cada dividendo social apropriado pelo estado e não redistribuído a sociedade, mas as empresas estatais ou privadas subsidiadas é apenas um perigo ao mundo não só pelos danos econômicas e ecológicos que provoca com suas ações eventualmente irresponsáveis ou criminosas, mas sempre pela vulnerabilização dos expropriados aos perigos não apenas naturais, mas das demais ações militares, empresarias e criminosas pelo mundo.

Enfim, o que seria destes Estados se não fosse sua capacidade de reproduzir os altos riscos de periculosidade com os quais justificam a perpetuação de sua perpetuação enquanto cultura de privação primitiva, monopólio e violência?

ReCivitas: 10 anos investindo em pessoas pela nossa emancipação.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.