Bitcoin não é bolha… o mercado financeiro não é uma bolha… o Facebook não é uma bolha… o que mais não é uma bolha no capitalismo?

Image for post
Image for post
Fonte: infomoney

Ser ou não eis a questão… a questão mais irrelevante quando falados de mercados? Todo mercado no capitalismo se não são se tornam bolhas feitas de bolhas. Entram em ciclo de crescimento e crise, euforias e quebras. A dúvida portanto não é se, mas quando e qual é o tamanho do estouro. Mas enquanto há controvérsias… outra bolha por sinal essa feita de um monopólio, já estourou, e ainda não deu sinais de que vai se recompor tão cedo… Que bolha é essa? Ora a de um dos negócios mais lucrativos do nosso tempo: o roubo, tráfico e consumo de dados para reprodução e venda em massa dos próprios usuários imbecilizados rotulados e embalados ideologicamente, mas pode chamar pelo nome de guerra: Facebook.

Que o Facebook era uma “fabrica de espionagens” e “vazamento de dados” muita gente já sabia faz tempo;

Que todas as midias são fabricas de idiota e desinformação mais gente e mais tempo ainda;

Que a sociedade do consumo e espetáculo carece e produz imbecilização para se manter idem;

Mas que a maior e mais automatizada industria de imbecilização em massa da historia é um esquema de pirâmide, a ganhar nas duas pontas vendendo informação e fabricando desinformados, vulneráveis e alienáveis a desinformação, isto é algo que muito pouca gente sequer se deu conta…

O Facebook é a primeira piramide que não cresce e ganha só com a entrada de novos trouxas que trazem mais trouxas, para vender o que não lhe pertence, ou sequer é real; é a primeira pirâmide a usar esses usuários como matéria-prima, produtor e produto final de si mesmos: como massa de imbecis a serem vendidos aos verdadeiros clientes que E adivinha quem são os maiores clientes desse traficante de dados usuários, e fornecedor desse massa de consumidores fidelizados e imbecilizados de qualquer marca ou ideologia distribuída por essa rede?

Sim, eles mesmos, governos e corporações, porque yes, eles podem…

E podem cada vez mais, enquanto o novo ficar velho cada dia mais rápido:

[Março de 2016] (…) Precisamos tanto retomar nossos governos, como constituir novas redes sociais que empoderem e integrem de fato as pessoas não apenas entre elas mas ao mundo. Precisamos construir redes sociais onde as pessoas possam agir no mundo com a legitimidade de cidadão. Isto antes que esses novo aparelho de alienação se encoste como o velho, definitivamente nas burocracia dos estados fracos e vendidos.

A luta pelo bem comum, vai muito além das riquezas naturais e bem públicos, ela passa pela liberdade absoluta de associação, informação e comunicação cooperativa e concorrente da coisa pública. Junto a luta anciente pela preservação da vida e natureza, a restituição dos direitos naturais, e renaturação da vida através da desestatização da propriedade e renda comuns e garantia delas como direitos e liberdades básicas.

Lembrando ainda que há ainda simultaneamente outra luta igualmente importante: a luta pelo desenvolvimento das plataformas digitais de democracia direta publicas a luta pela desburocratização da vida, desintermediação dos direitos e a libertação dos povos na sociedade da informação.

Democracia Direta Digital não é só uma proposta ou uma necessidade apenas porque não existe autoridades politicas legitimadas pela população.

A Democracia Direta Digital não é só uma proposta urgente porque em breve seguindo o padrão membros do STF começarão a perder o que resta da legitimidade para ampliar a democracia.

A Democracia Direta Digital é absolutamente necessária e urgente porque em países como Brasil onde nunca houve justiça social, nem igualdade, mas de fato descriminação velada e privilégios autoritários descarados, onde os problemas históricos viram enredo de escola de samba e novela da globo, o Estado desligado da sociedade, não vai apenas se encastelar, ele vai se voltar contra a sociedade. O Estado vai declarar guerra a sociedade. Sejam sob a ordem de Batmans ou Jokers, a lei e ordem mesmo que absolutamente vazia vai fazer a unica coisa que sabe fazer. Marchar.

E a esse crime maior contra a humanidade esses grupos golpistas que se jogam bosta um nos outros só chamarão de golpe, se não for o seu governo, ou se não for a sua “revolução”. — A Democracia está morta. Longa vida a Democracia! (Parte II)

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store