Agora a culpa é da constituição… tá bom.

Turn!Turn!Turn! A verdadeira democracia direta e a lei viva

Image for post
Image for post
O Brasil sua história e seu futuro como farsa representativa… em todos planos e sentidos

Não adiante vir com solução desesperada meia boca, porque não aplaca revolta nenhuma e só ofenda ainda mais a inteligência e dignidade da população sem soberania e direitos. Não é a farsa que constitui a revolução, mas a mudança de fato do regime: da falsa democracia representativa deles, para a verdadeira democracia direta e popular nossa. O resta é balela. É gorpi. Ou precisamente a salvação e perpetuação dele e dos beneficiários deles no poder.

Das mais descaradamente criminosas as mais bem intencionadas todas as propostas de alteração constitucional neste momento que a casa caiu e eles foram pegos de calças na mão só servem de fato a um único proposito: queimar o sistema que já não serve mais…. para eles!!! Eles não querem parar as máquinas para salvar ninguém mais senão eles. Não querem construir um novo sistema,. querem é dar uma consertada, trocar o nome e de novo vender o velho como se fosse o novo.

O foro privilegiado é apenas a face mais descarada da desigualdade de cidadania. Cidadania é poder e autoridade igual para decidir sobre o destino do bem público e absoluta liberdade para decidir sobre sua vida privada. É igualdade de poderes de decisão sobre um bem comum. O resto é tirania e servidão disfarçada até mesmo de democracia. Ou a população tem a primeira e ultima palavra ou não é dona nem soberana do seu território da sua administração do seu pais.

Não adianta nem trocar de sistema e manter os mesmos bandidos e ladrões no comando. Nem só remover os bandidos e trocar de sistema. A questão não é simplesmente tirar os ladrões da soberania e patrimônio nacional do poder, mas restitui-lo de forma definitiva e permanente ao povo. Pois do contrário o poder continuará sendo o que é um apropriação indevida do bem público, um roubo. O resto o sistema corrupto que se instala e os ratos que ele atrai como casa continuaram a se proliferar.

A democracia plena não é uma questão de avanço tecnológico, educacional é uma questão de vontade política não da classe politica mas da população e sociedade. É uma questão de consciência. Podemos perfeitamente ter uma democracia direta sem precisar decidir tudo em consulta ou assembleia populares. Podemos perfeitamente delegar a administração e gestão pública a terceiros desde que a soberania e o patrimônio não seja transferidos para eles, mas sim permanecem sob a propriedade e controle social cidadão. Podemos perfeitamente ter uma democracia direta delegando funções para representantes das nossas decisões e não representantes do nosso poder de decisão. Essa é a diferença essencial de um governo tirano que e patrão do seu povo e que se passa por democrático porque eleito, e um governo verdadeiramente democrático onde o conselho que define a politica e o board são os verdadeiros donos do pais e não seus escravos: o povo.

Você não precisa construir a casa ou pilotar o avião para dizer para onde a nave vai ou o como você quer a casa. Você só precisa ser o dono de fato dela. E ter o poder de contratar e despedir os arquitetos, engenheiros e pilotos sociais. Essas delegadas, não podem esses direitos e poderes políticos individuais não podem ser transferidos porque constituem-se contrato de escravidão política. Eles são a nossa soberania, nossa liberdade e nossa patrimônio nacional de fato.

Governantes, empresas, procuradores e administradores públicos e privados podem apresentar n projetos, soluções mas quem faz as demandas do que deve ser feito, e deve decidir essa ou aquela solução será ou não feita ou desfeita é o soberano, o povo em assembleia em consulta popular. Até porque quem deve se definir quanto e como se vai pagar por cada coisa, porque quem vai pagar já se sabe.

Não tem jeito. A solução todo mundo já sabe qual é do mesmo modo que antes mesmo da lista fora as partes interessadas todo mundo já sabia o que a lista dos corruptos publicou. Não é uma questão de qual a solução, mas de vontade ou melhor coragem política, não deles mas nossa para construir uma verdadeira republica e democracia e independência que não é feita de papel e decretos, mas de uma atitude pura e simples: virar adulto e reclamar pelo o que é seu. Se esse novo contrato social será inscrito sob as ruínas do velho, ou sobre novos pilares, isso é uma questão inclusive para ser decida dentro do novo sistema, pelos cidadãos constituintes desse novo sistema enfim como pessoas livres de um território livre porque de fato seu.

O resto meu amigo é 171, é golpe e estelionato no sentido mais amplo histórico e permanente da palavra... é simplesmente o Brasil de sempre, mas fala diferente que a velho império já se prepara para trocar de farda e se travestir da mais nova velha república.

Quer chupar, chupa; mas não venha me dizer que essa festa é a meu pais porque não é. Posso não ser livre, mas não sou idiota. Ou pelo menos não mais, não tanto… e ninguém é, nem precisa ser. Ainda há tempo…

Ainda… é tempo para se voltar…

Turn, Turn, Turn

E outros textos já “antigos”, mas referentes:

Written by

X-Textos: Não recomendado para menores de idade e adultos com baixa tolerância a contrariedade, críticas e decepções de expectativas. Contém spoilers da vida.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store